• Mudou sua capoeira a
     SEU BARRACÃO VELHO
    ca 1950





    A PRÉVIA

    Estabelecemos que o Corta Braço surgiu só em 1946, recebendo os moradores de lá a permissão de ficar em 1947. Temos dúvidas que M Waldemar logo em 1946/47 começou construir seu barracão lá. Existem fotos de P. Verger de 1948 mostrando a roda de Waldemar, mas não o barracão. As dicas de lá e cá dizem pra nós que existiram pelo menos 2 barracões. Isso é evidente das fotos de A. Brill de 1953 e P. Verger de 1955. Além disso os lugares parecem ser diferentes i.e o mestre não modificou um barracão ao outro/novo e em vez disso mudou o local: provávelmente de Liberdade (velha) a Corta Braço em 1954.

    Agora às dicas..

    «A roda na Liberdade era no ar livre, perto do arvoredo. Eu fazia o ringue na sombra e botava a rapazeada pra jogar. Depois [em Liberdade?, o ano?] eu fiz um barracão de palha grande [..].»
    M Waldemar, 1989

    «Foi com ele [M Bugalho, após de 1946, quando começou aprender] que eu tive o conhecimento do barracão velho, no Gengibirra, perto de Água de Meninos [mas também de Liberdade]. A gente (eu e Bugalho) ia muito ao cais velho - o cais dourado - brincava muito lá.»
    M Pelé de Bomba, 2010

    «O primeiro barracão, um barraco que ele tinha de palhoça, foi na rua Padre Antônio, alí no Fundo de Agnelo [talvez o mestre se refere ao segundo barracão]
    M Bigodinho, 2003

    O Terreiro do Corta-Braço, na Estrada das Boiadas, ponto de reunião de praticantes da capoeira, atualmente bairro da Liberdade, foi outro, cujo chefe era um africano conhecido como Tio Opê. Luz, 2013.

    : é provável, que esse terreiro e o barracão de M Waldemar existiram separadamente, porque nas fotos de Brill não tem nenhuma indicação que colocaria um '=' entre o terreiro e o barracão, mas existe essa possibilidade. É interessante que Catunda em 1952 chama o barracão terreiro.

    OS MATERIAIS

    1951: Tavares, Carybé & Leeds

    Se o visitante quer assistir ao jôgo da capoeira, há, hoje, mais de um barracão onde pode ir. [..] o de Valdemar, no Corta-Braço. O. Tavares, 1951?.

    : Aqui não sabemos ainda se o jornalista/escritor colocou Corta Braço logo na primeira edição do livro ou o adicionou depois, então falando do segundo barracão. O caminho ao barracão detalhamente descrito porém parece acabar no oposto lado da Estrada da Liberdade.  leia mais 

    Carybé no Jogo de Capoeira de 1951 tem desenhos minimalisticos do primeiro barracão (veja abaixo).  leia mais 

    Carybé e Barracão de Waldemar

    • Barracão de M Waldemar
      Carybé, 1951

    • Barracão de M Waldemar
      Carybé, 1951

    Barracão Velho, 1951

    Temos também gravações feitas por Anthony Leeds de 1951. Não sabemos porém se a gravação aconteceu já no barracão. Um dos cantadores é provávelmente M Traíra, quem começou aprender com M Waldemar em 1947 (antes do barracão).  leia mais 

    1952: Catunda

    «O terreiro de Mestre Waldemar localiza-se no célebre bairro proletário da Liberdade. Bairro de grande densidade de população [..].»
    E. Catunda, 1952
     leia mais 

    1953: Brill

    As fotos de A. Brill de 1953 mostram a roda no barracão velho de M Waldemar. Como escrevemos antes, tem uma construcão diferente/inferior do barracão que vemos nas fotos de P. Verger de cerca de 1955 (veja abaixo).  leia mais 

    Algumas fotos são feitas fora do barracão tendo ao fundo algumas casas, porém sem nenhum ponto de referência que podia facilitar a localizacão da cena.

    Fotos

    • Barracão Velho de M Waldemar
      A. Brill, 1953
      Acervo: IMS

    • Barracão Velho e Novo de M Waldemar
      A. Brill, 1953 e P. Verger, 1955
      Acervos: IMS & Fundação Pierre Verger

    Os Barracões


    1957: Araguaya

    Araguaya em 1957 no Correio Paulistano descreve a capoeira de M Waldemar ficando à Rua Pero Vaz. As fotos de Chiquinho porém mostram o barracão velho - essa teve muito mais varas de madeira separando o público da roda. Provávelmente Araguaya e Chiquinho visitaram o barracão em 1953/4 e só em 1957 publicaram o artigo.

    • A comparação de fotos de Brill e Chiquinho
      1953 e 195?
      Acervo de IMS

    Barracão Velho


    (1954: O Segundo Barracão/Barracão Novo)

    Para comparar os dois barracões  leia mais  e aguarde a nossa futura postagem.


Flickr Fotos

    Atualizações do blog direto a seu inbox

    Back to Top