•  Voltou a Salvador

    «De Alagoinhas a [Estação de] Calçada (em Salvador) viajamos de trêm chamado Maria Bonita. Nesses dias o grande chefe da policia de Salvador era Pedro Gordilho, que andava numa baratinha. Ele fugiu e se escondeu na Ilha da Itaparica.

    Quando chegamos em Salvador, os quarteis não puderam conter todos os revolucionários. Só tinha espaço para a metade dos homens. Não tinha espaço pra mim. Fiquei no velho museu na area de Campo Grande onde o Teatro Castro Alves fica hoje.»

    Santos, 1991

    Ele [Pedro de Azevedo Gordilho] foi deposto durante da revolução e refugiou-se na casa do Arcebispo D. Augusto, onde ele foi capturado e levado a prisão.

    Talmon, 2008



Flickr Fotos

    Atualizações do blog direto a seu inbox

    Back to Top